Resenha: A coragem de não agradar

Conheci o livro A coragem de não agradar, dos autores Ichiro Kishimi e Fumitake Koga através da indicação da minha psicóloga, com a qual fazia terapia em 2018, se não me engano. Comprei o livro no ano passado, mas acabei adiando a leitura para ler outras obras. (Sabe como é… Tenho uma lista extensa de livros na minha lista de espera.)

Contudo, nesse mês finalmente resolvi me dedicar a essa leitura maravilhosa. E preciso dizer: que livro surpreendente meus amigos! Já li muitos livros de autoajuda na minha vida, mas nenhum igual a esse!

E aparentemente eu não fui a única que se sentiu impactada por essa leitura. Esse livro foi lançado em 2013 e já vendeu 3 milhões de cópias em todo o mundo. E eu sei (Ah! Como eu sei!) que um best-seller nem sempre te oferece uma boa experiência ou realmente te ajuda em algum aspecto da sua vida. Mas eu acredito que esse aqui realmente merece um volume tão grande de vendas.

Eu li a versão física, que adquiri na Amazon, e que é produzida pela Editora Sextante. O livro tem 272 páginas, mas a leitura é tão fácil e fluída que certamente você não vai demorar muito para terminar.

Enfim, vamos aos comentários sobre essa obra.

Leia também: 12 regras para a vida

Resenha do livro A coragem de não agradar.

A coragem de não agradar

Através do diálogo entre um filósofo e um jovem que se sente perdido na vida, esse livro vai te apresentar um pouco da psicologia adleriana e dos conselhos práticos do psicólogo Alfred Adler, que era contemporâneo de Freud e Jung.

Mas não se engane. A psicologia adleriana é um contraponto ao pensamento freudiano. Por isso, diferentemente de Freud, Adler desconsidera que o seu passado define quem você é hoje, por exemplo. Como você se sente, assim como a sua felicidade depende da sua decisão agora. Eu sei que parece papo de coaching duvidoso, mas existe toda uma discussão para te explicar esse ponto. ⠀

Também é importante mencionar que todo o diálogo entre o filósofo e o seu pupilo ocorre em cinco noites. Portanto, todos os conceitos são apresentados em cinco partes diferentes, cada uma com um tema central.

Leia também: Resenha: Carta ao pai, Franz Kafka

A quarta noite, com o tema “Onde fica o centro do mundo”, na qual os autores conversam sobre psicologia individual; e a quinta noite, “Viva intensamente no aqui e no agora”, onde se aborda conceitos como autoconsciência, autoafirmação e a importância de viver no presente, foram as minhas partes preferidas. ⠀

E em toda a obra são discutidos vários outros pontos importantes, como a importância de se fazer útil, como lidar com o sentimento de inferioridades, a coragem para ser detestado, o que é e como ser livre, a necessidade de atribuir a cada um à sua responsabilidade, entre outras questões. ⠀

Eu gostei desse livro especialmente porque no diálogo o jovem ocupa o lugar do leitor, já que ele faz perguntas e levanta argumentos que eu, como leitora, também gostaria de fazer diante dessa abordagem adleriana, que não é muito conhecida. Aliás, espero ler outros livros que fazem referência a obra de Adler assim que eu puder.

Materiais de apoio

Eu sempre pesquiso materiais, textos e vídeos, que me ajudam a compreender melhor os livros que leio. E eu fiz exatamente isso quando concluí essa leitura. Por isso, resolvi compartilhar uma pequena lista com os materiais de apoio referentes a essa obra. Aproveite!

Leia esse livro ⠀

Eu poderia falar horas sobre A coragem de não agradar, mas espero que essa pequena amostra tenha despertado em você o desejo por essa leitura. Lembrando também que esse livro foi indicação da minha psicóloga.

Essa indicação foi feita numa época que eu não estava muito bem, mas nunca tinha parado para me dedicar a essa leitura. E mesmo depois de algum tempo, acredito que o livro teve sim uma mensagem impactante na minha vida.

Por isso, eu recomendo essa leitura e espero que ela seja também leve uma mensagem de incentivo a mudança e a transformação da sua vida.

Transparência: Eu participo do programa de afiliados da Amazon. Por isso, ao adquirir qualquer produto utilizando o link disponível nessa postagem, você me ajuda a manter meu trabalho aqui na internet. Muito obrigada!

Publicado por

Curiosa, apaixonada por livros e completamente consciente de que ainda tem muito a aprender. Acredita que a educação e o trabalho não apenas libertam, mas também te fazem transbordar. E isso está ao alcance de todos.

2 thoughts on “Resenha: A coragem de não agradar

  1. Oi Carol! Eu estava aguardando essa resenha. Não conhecia esse livro, fiquei sabendo dele pelo seu instagram. Achei a proposta super interessante, vou ver se leio também.

    O título me lembrou outro livro que quero muito ler também que é o “Quando as pessoas são grandes e Deus é pequeno” de Edward T. Welch, conhece?

    Abs.

    Liked by 1 person

    1. Oi Kelly! Ai eu suspeita para dizer, porque gostei muito desse livro, mas espero que você goste do livro 🙂

      Não conheço esse livro do Edward Welch, mas o título me chamou a atenção. Vou pesquisar sobre esse livro! Obrigada pela indicação 🙂

      Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s