Interpretação de texto: você entende o que lê?

Eu acredito que o acesso ao conhecimento transforma. Por isso, nos últimos posts, resolvi compartilhar a importância do contato com a literatura e como desenvolver o hábito da leitura. Também falei que ler muito vai te ajudar a escrever melhor. Mas, analisando os dados do Brasil no Pisa 2015 e Inaf 2018, você vai perceber que temos um problema sério com a interpretação de texto.

O brasileiro não lê muito e, talvez por isso, também tem dificuldade de entender o que leu.

Pensando nisso, vejo como é importante falarmos sobre nossa habilidade de interpretar textos. Ou sobre a falta dela.

Eu mesma já me deparei com vários textos que tive dificuldade de entender. E isso serve para te mostrar que ter uma formação universitária não garante, necessariamente, que você já domina todas essas habilidades básicas. Algumas delas, como a interpretação de texto, dependem muito de você.

Quando me encontro em situações assim, com textos que são, a princípios incompreensíveis, utilizo algumas técnicas para me ajudar a compreender o que eu leio. São essas técnicas que vou compartilhar com você hoje.

Interpretação de texto: você entende o que lê?
Foto de Alexis Brown via Unsplash

Diversifique sua leitura

A primeira dica não é bem uma técnica. (Você me pegou, eu roubei aqui!). Na verdade é um lembrete. Às vezes você não compreende um texto porque não está acostumado àquele gênero literário ou àquela linguagem do texto.

Por isso, além ler bastante, é importante diversificar o seu tipo de leitura. Assim, você se acostuma com outras formas de escrita e ainda tem a chance de aumentar o seu vocabulário.

Falo isso por experiência própria. Não tenho o hábito de ler poesias e acredito que isso influencia no fato de que eu tenho dificuldade para interpretar certas poesias que encontro. Ou seja, ler mais poesia vai me ajudar.

Não tenha medo de utilizar o dicionário

Talvez você não entenda o que está escrito porque não compreende o significado de algumas palavras utilizadas. Quando se deparar com alguma palavra que você não entende, não seja orgulhoso e utilize o dicionário. Você não é obrigado a conhecer todas as palavras que existem, então está tudo bem procurar ajudar.

Releia quantas vezes for necessário

A primeira coisa que vem na sua cabeça você lê algo e não entende, é desistir. Ou talvez procurar outra forma de conseguir a informação contida no texto. Falo isso por experiência própria. Eu já fiz muito isso, especialmente com textos em inglês.

No caso de textos em inglês, utilizo o Google tradutor para me ajudar a traduzir. Felizmente, tenho o hábito de comparar a escrita original com a traduzida. Sempre que eu faço isso, percebo que eu teria entendido o texto, e principalmente o vocabulário utilizado, simplesmente se eu tivesse lido mais uma ou duas vezes.

Ou seja, apenas reler o texto até me lembrar dos significados e analisar o contexto, teria me ajudado a interpretá-lo corretamente.

Por isso eu estou aqui para te dizer que simplesmente reler o texto algumas vezes, independente do idioma no qual foi escrito, e até fazer uma pausa entre essas releituras, pode fazer o milagre de te fazer entender o que está escrito.

Então não desista, releia.

Faça anotações

Ao escrever, você consegue organizar e sistematizar as ideias do texto, escrever dados relevantes e até pontuar questionamentos para refletir. Com isso, você aumenta as chances de entender o texto, uma vez que você é obrigado a registrar o que entendeu, o que também vai te ajudar a lembrar do conteúdo mais tarde.

Eu, por exemplo, simplesmente não consigo estudar nada sem fazer anotações sobre o assunto. Às vezes, somente depois de escrever consigo notar como aquilo que eu estava pensando está errado, porque não faz o menor sentido.

Por isso, aconselho que você registre informações importantes da sua leitura. Isso vai facilitar muito o seu entendimento.

Concentre-se!

Você não vai conseguir interpretar um texto no qual você nem consegue se concentrar no que está lendo. Se você tem problemas de concentração, sugiro que utilize a técnica pomodoro, que expliquei nesse post sobre procrastinação nos estudos.

Procure referências

Provavelmente alguém já leu o que você leu ou está lendo, principalmente se estamos falando de livros. Pensando nisso, sempre que termino alguma leitura, gosto de procurar na internet opiniões de pessoas que já leram o mesmo que eu.

Acessar opiniões diferentes me ajudam a entender melhor a leitura. Isso porque talvez eu possa ter deixado passar algum detalhe que a outra pessoa percebeu, mas tendo acesso a um ponto de vista diferente do meu, também consigo percebê-lo.

Vale lembrar que é importante que você tenha acesso a outra opinião apenas depois de ler o texto, para não ser totalmente influenciado na sua interpretação. Além disso, pode ser que você encontre interpretações diferentes da sua, e tudo bem. Esteja aberto para escutá-las.

Interpretação de texto: você entende o que lê?
Foto de Morgan Harper Nichols via Unsplash

Conclusão

Você entende o que lê? Caso você tenha dificuldades na interpretação de texto, sugiro que siga essas dicas e observe a sua melhoria nesse aspecto. Lembrando que a evolução na compreensão também é linear. Por isso, tenha paciência no seu processo de desenvolvimento.

Publicado por

Curiosa, apaixonada por livros e completamente consciente de que ainda tem muito a aprender. Acredita que a educação e o trabalho não apenas libertam, mas também te fazem transbordar. E isso está ao alcance de todos.

2 thoughts on “Interpretação de texto: você entende o que lê?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s